Menu em imagem

Image Map

08 novembro 2015

{Resenha} ~ Rebirth - Os novos titãs - Bianca Landim ~

Oie "pipow"!
Como foi o fim de semana?
Pra deixar o domingo mais gostoso e te animar para a semana que vem aí, trouxe uma resenha de um livro muitoooo bom!


Quando li: Outubro, 2015.
Título: Rebirth - Os novos titãs
Autor(a): Bianca Landim
Editora: Novo Século
Páginas: 366
Avaliação:
Sinopse: Quatro crianças foram postas nos caminhos imortais dos deuses do Olimpo, e, delas, uma nova geração de titãs surgiu, mostrando-se incrivelmente mais poderosa que os primeiros titãs - derrotados por Zeus e seus irmãos -, e até mesmo que os próprios deuses!
Missões lhe foram atribuídas e mundos imortais foram conhecidos, dando-lhes sabedoria, poderes e novos aliados. Acima de tudo isso, o amor único foi alcançado e suas origens, desvendadas, fazendo dos titãs uma nova ordem no Olimpo, com Zeus e os outros deuses, conhecidos como os Doze Olimpianos.

Eis que Zeus, seus irmãos e filhos são avisados pelas moiras que, no futuro - dentro de dezoito primaveras mortais, para ser mais exata - terão de encarar novamente um de seus maiores inimigos: Cronos, o titã supremo. Ele se libertará de sua prisão e virá em busca de vingança.

Para o embate entre os Doze Olimpianos e Cronos, são colocados nos caminhos dos deuses quatro crianças predestinadas a serem os novos titãs. Estas serão ainda mais fortes do que o titã supremo, e para tanto, cada uma delas será apadrinhada por um deus. Celes, a bela de cabelos ruivos, terá como madrinha a Ártemis, a deusa amazona. Pyro, um moreno reservado e de feições severas, terá como seu protetor Hefesto, o deus do fogo, responsável pela confecção das fantásticas armas e armaduras de todos os deuses e heróis. Apolo, deus do sol, terá como pupilo o belo Solaris, um belo loiro de olhos verdes encantadores. E ao deus da guerra Ares, será dada a custódia de Discórdia, uma morena com cabelos e olhos negros, com uma aparência lindamente fatal.

Cada titã é treinado com o intuito de ter seus dons e poderes desenvolvidos. Eles são diariamente preparados para a grande batalha que têm pela frente. Em meio a tantos treinamentos rígidos, nasce o amor proibido entre dois titãs. Mesmo após serem avisados pelas moiras que o futuro de um deles seria negro, Celes e Solaris se entregam aos sentimentos fortes que nutrem um pelo outro. Para a surpresa de todos, é exatamente esse grande amor que salvará o mundo dos mortais e também dos imortais inúmeras vezes.

Celes e Solaris têm, juntos, uma força maior até que a dos deuses supremos. E é essa força que será usada no embate contra Cronos, e, mais tarde, contra outros males que afetarão Asgard e o Egito. Para uma dessas guerras, os deuses e titãs contarão também com a ajuda dos venerados deuses hindus, que com sua força pura e imensurável irão ajudar a determinar o fim de uma das guerras mais difíceis já travadas por todos eles. Os deuses de Asgard e do Egito também terão papel fundamental em todos esses embates que podem vir a ser mortais.

As batalhas são super bem narradas e detalhadas.
A começar pela guerra entre os olimpianos, titãs e Cronos, que é contada de uma forma diferente da que já conhecemos. São inseridos nossos bravos e apaixonantes titãs, que, cada um com sua força e seu jeitinho, dão uma contribuição super importante à trama. Após terem derrotado o titã supremo, o próximo desafio é lidar com uma deusa esquecida e enfurecida, que arquiteta um plano para acabar com todos os deuses - deuses da Grécia, Asgard e também do Egito. E, quando pensamos que tudo está em paz, eis que uma nova ameaça tenta exterminá-los. Mas desta vez as coisas ficam realmente feias! Asgard é quase dizimada. O Cairo está acabado. Deuses foram mortos... e as esperanças são cada vez menores.

Mas, como toda boa história, a solução para todos os problemas é o amor! Ai ai...

O envolvimento de Celes e Solaris tem frutos, Estrela e Nix. Juntos, pais e filhos emanam um poder extraordinário, tendo uma fonte inesgotável, pois um gera energia para o outro.

O amor dos dois pombinhos é sempre muito citado na história, nos brindando com cenas de amor constantes, que nos deixam extasiados! Ao fim do livro, tenho certeza de que todo mundo vai querer ter uma Celes ou um Solaris pra chamar de seu.

Temos outros casos amorosos na estória, mas, infelizmente, eles foram pouco explorados. Temos o casal fofo Discórdia e Pyro, que acabam se casando. Estrela também encontra sua cara-metade... mas pouco sabemos sobre o relacionamento deles pois o foco amoroso foi em Celes e Solaris. Um pecado, ao meu ver.

A narrativa é fluida, apesar de vez ou outra se tornar um pouco cansativa. Mas nada que prejudique a leitura! A diagramação é excelente. Páginas amareladas, símbolos ilustrando o início de cada capítulo, fonte é agradável aos olhos. A revisão está impecável, não encontrei nenhum erro sequer. E a capa... Ah! A capa é um show à parte!

Não posso deixar de falar de Ares, mesmo que só aqui no fim.
Ares sempre foi o meu deus favorito - sou uma grande fã de mitologia- e, dentre todos, para mim, ele se destaca. Sua ironia, inteligência e até mesmo a prepotência me são atrativas, pois a junção de todos esses predicados fazem dele um ser incrível! E, nesse livro, não foi diferente! Dei boas gargalhadas graças ao jeitão de Ares, e mais uma vez, para mim, ele se destaca. Me identifiquei muito com Discórdia também. Seu jeito exteriormente frio mas interiormente fiel, leal e amoroso, se assemelham muito ao que sou.

Será que em algum momento da vida fui treinada por Ares? Haha...

Que os deuses lhes proporcionem uma boa leitura!






13 comentários:

  1. Ai gente, eu quero esse livro!
    Eu sou muito apaixonada por mitologa grega e amei essa releitura.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luiza, se vc curte mitologia, então vai adorar a Rebirth!
      Leia e depois me conte o que achou!
      Beijos

      Excluir
  2. Oie, Fabi! Tudo numa nice?!
    Eu ainda estou lendo o livro, fiquei chateada em saber que o enfoque é mais para Solaris e Celes porque gosto tanto de Discórdia e Pyro. Como já sabe gosto de Ares ahah. Para mim ele sempre foi o arrasador. Kkk Oh não! Agora fiquei sabendo de algumas coisinhas que não queria saber de imediato ahaha. Espero terminar de ler e gostar como gostou.
    Ótima resenha!!
    Beijin...
    http://piecesofalanagabriela.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, apesar dos pequenos spoilers, tenho certeza de que nada prejudicará a leitura, Alana! Infelizmente o foco é neles mesmo... e também queria que Discórdia e Pyro tivessem uma atenção a mais... Mas, segundo a autora, pode ser que role um extra! Vamos aguardar...
      Beijos!
      Espero que curta a leitura tanto quanto eu!

      Excluir
  3. Amo livros que falem de deuses e principalmente sobre mitologia grega!!! Perfeito eu já pedi o meu. Não vejo a hora de chegar para mim começar a ler logo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Kakau, que bom que vc vai ler também!
      Quando vc acabar, vem aqui me contar o que vc achou!
      Espero que goste tanto quanto eu!

      Beijos!

      Excluir
  4. adoro mitologia grega... mas é mui dificil eu ler algo relacionado.... vai entender.... mas curti a resenha... quem sabe esse não vai pra minha mini lista 2016 aahhahahahaa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dê uma oportunidade ao livro então, Aline! Ele tem aventura, romance, dá um friozinho na barriga!

      Beijos

      Excluir
  5. ja falei e vou repetir...queerrrroooo leeerrr....amo recontagem de mitologia...e mais uma vez quero o romance desse livro.......otima resenha...beijossss...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LEia e se apaixone por Ares!
      sHIUAHSIAHSIUHAs

      Beijos

      Excluir
  6. Amei a sua resenha amo livros mitológicos com certeza vou ler bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se gosta de mitologia, então Rebirth vai te deixar apaixonada!

      Beijos!

      Excluir
  7. Lá vem eu bisbilhotar suas resenhas, e advinhe o que aconteceu logo no PRIMEIRO que cliquei? Difícil saber? Pois é, APAIXONEI. Mais uma vez. Você precisa parar com isso. Mentira, não pare nunca. <3 Beeeijo

    ResponderExcluir

© PAUSA PARA PITACOS - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: RENATA MASSA | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo