Menu em imagem

Image Map

19 julho 2017

{Resenha} ~ O visconde que me amava - Julia Quinn ~

Oie,  gente!
Tudo bem? Tudo lindo? Espero que sim!
Eu estou possuída pelo sono, por isso, resolvi vir falar de coisa boa com vocês - sobre livros.

Estava dando uma olhada em minha planilha de livros lidos/resenhas feitas e descobri que eu ainda tenho seis - isso aí, SEIS - livros para resenhar pra vocês. Isso é bom? É ótimo! Mas também mostra o quão enrolada eu tenho andado. 😡 Não tá fácil ser blogueirinha ultimamente, pipows! Rs.
Mas vamos ao que interessa, né? Vamo de resenha!



Quando li: Março, 2017.
Título: O visconde que me amava - Os Bridgertons #2
Autor(a): Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Avaliação: 
Onde comprar? Amazon | Americanas | Submarino
Resenhas anteriores: O duque e eu - Os Bridgertons #1
Sinopse: A temporada de bailes e festas de 1814 acaba de começar em Londres. Como de costume, as mães ambiciosas já estão ávidas por encontrar um marido adequado para suas filhas. Ao que tudo indica, o solteiro mais cobiçado do ano será Anthony Bridgerton, um visconde charmoso, elegante e muito rico que, contrariando as possibilidades, resolve dar um basta na rotina de libertino e arranjar uma noiva.
Logo ele decide que Edwina Sheffield, a debutante mais linda da estação, é a candidata ideal. Mas, para levá-la ao altar, primeiro terá que convencer Kate, a irmã mais velha da jovem, de que merece se casar com ela.
Não será uma tarefa fácil, porque Kate não acredita que ex-libertinos possam se transformar em bons maridos e não deixará Edwina cair nas garras dele.
Enquanto faz de tudo para afastá-lo da irmã, Kate descobre que o visconde devasso é também um homem honesto e gentil. Ao mesmo tempo, Anthony começa a sonhar com ela, apesar de achá-la a criatura mais intrometida e irritante que já pisou nos salões de Londres. Aos poucos, os dois percebem que essa centelha de desejo pode ser mais do que uma simples atração.

Dia desses, graças ao O duque e eu, conheci os Bridgertons. Aliás, dizer que "conheci" seria pouco, pois pra mim foi algo além. Eu conheci e viciei. Apesar de estar falando sobre O visconde que me amava somente hoje, assim que eu terminei de ler o primeiro livro eu corri para começar o segundo. Foi imediatamente MESMO. Fechei o primeiro, fui em direção à estante, peguei o segundo e já embarquei na continuação da trama.

 Este livro conta a história de Anthony, o primogênito da família. Para a alegria de sua mãe Violet (que senhora fofinha, minha gente!), ele resolve largar a vida de libertino e se casar. Mas, para tanto, ele tem algumas ressalvas: para subir ao altar ao seu lado, a moça precisa ser bonita, inteligente, transparecer que será uma boa mãe e não amá-lo. Isso aí, minha gente, Anthony quer um casamento sem amor. Ele pretende se dedicar à esposa, ser amigo e respeitoso, mas nada de amor.

"Muitas vezes é difícil compartilhar nossos temores com aqueles que mais amamos."

Logo que a temporada começa, ele vê de longe uma dama que tem sido chamada por todos de "a joia da temporada". Edwina Sheffield é uma moça encantadora, e Anthony imediatamente decide que ela é a esposa ideal. Mas, mesmo sendo o solteiro mais cobiçado da temporada, as coisas não serão tão simples quanto ele imagina. O pretendente de Edwina tem que ter a aprovação de sua meia irmã mais velha, Kate, e tal dama não tem a intenção de facilitar as coisas para o visconde.

Kate tem verdadeira devoção por sua irmã caçula. Tanto amor, cuidado e zelo fazem com que ela seja muito rígida quanto aos possíveis pretendentes da moça. Saber que um libertino está cortejando-a faz com que ela fique de anteninhas em pé, captando todo e qualquer movimento do visconde safadão. Obviamente, ela os acompanha de perto, e tal fato acaba mostrando a ela que, no fim das contas, ele não é má pessoa, não. Pelo contrário. Ele se mostra carinhoso, inteligente e super dedicado à família, o que faz com que Kate o veja com outros olhos. Os olhos do coração.

"E a verdade era que ela sequer sabia o que estava errado. Tudo o que sabia era que, naquela tarde, algo mudara entre ela e o visconde."

E o inevitável acontece: Anthony se pega pensando nos lábios carnudos e na língua afiada de Kate. Ao mesmo tempo que acha que a moça tem lábios carnudos demais, acha-os completamente beijáveis. Assim que chega à conclusão de que ela é atrevida e irritante, conclui também que ela é doce, amável, inteligente e muito astuta - qualidades que ele preza muito em uma dama. E é isso, o amor acontece. Acontece aos poucos, a sementinha vai se transformando em uma bela flor do campo.

"Droga. Ele nem sequer gostava daquela mulher. Ela era muito mandona. Muito teimosa, e tirava conclusões rápido demais. E não era nem bonita - ao menos quando comparada a algumas das damas que estavam em Londres para a temporada, principalmente a própria irmã.O rosto de Kate era comprido demais, o queixo, muito pontudo, e os olhos, enormes. Tudo nela era excessivo. Até a boca, que o matara de constrangimento com seu fluxo infinito de insultos e opiniões, era carnuda demais. Nas raras ocasiões em que ela a fechava e lhe proporcionava um abençoado instante de silêncio (já decerto que não conseguia ficar calada por mais que apenas um instante), tudo o que ele via eram lábios, cheios, carnudos e- desde que ela os mantivesse fechados, sem dizer uma palavra - eminentemente beijáveis.Beijáveis?Anthony estremeceu. A ideia de beijar Kate Sheffield era assustadora. Na verdade, o simples fato nisso deveria ser suficiente para mandá-lo para o manicômio.Ainda assim...... ainda assim, sonhara com ela." 

Onde tem implicância, tem amor, já dizia o poeta, né pipows? Rsrsrs
É uma constante nos livros - e na vida. Acredite. E eu gosto de toda essa implicância do iminente casal. Acho que deixa tudo mais divertido, crível e fofo. Sim, pois casal que não se implica não merece a minha confiança, hahaha.

Dizer que a narrativa é deliciosa, envolvente e fluida seria mais do mesmo, pois eu disse exatamente - tá, talvez não exatameeeente - essas palavras na resenha anterior, mas vale reiterar tudo isso, né? Vale destacar novamente também todo o senso de humor que permeia a trama. Ele está presente nos diálogos, nos traços das personalidades dos personagens, das descrições de momentos que, certamente, arrancarão boas risadas de quem lê. Já sabemos que a Dona Julia tem a mão boa para desenhar os traços de seus personagens em nossa mente, sabemos que ela sabe dosar  muito bem todas as qualidades e defeitos dos personagens, e tais fatos fazem com que fique cada vez mais delicioso conhecer cada um deles.

Anthony foi uma surpresa agradável, pois a impressão que eu tive dele no primeiro livro foi totalmente diferente do que encontramos no segundo. Sua sensualidade, sarcasmo e teimosia me deixaram em êxtase! Eu já o achava atraente no primeiro livro, e este segundo veio pra lacrar todas as minhas impressões.

Cá temos mais uma mocinha forte e decidida, que nos brinda com diálogos ácidos e super engraçados. Kate se impõe, mostra a quê veio, deixa claro seu posicionamento em relação às atitudes do mocinho, mas ao mesmo tempo tem seu lado romântico, doce e encantador. Acho que essa é mais uma das marcas registradas da autora.

O mais delicioso dessa série é o fato de que o "próximo mocinho" já aparece de mansinho para que possamos nos acostumar com sua presença, fazendo com que tenhamos aquela primeira impressão, aquela impressão que fica tatuada em nossa mente, só pra ser mais incrementada no livro seguinte. Acho que tudo isso justifica o meu mais novo vício, né?

"[...] O amor não tem nada a ver com o medo de que tudo acabe, mas com encontrar alguém que o complete, que faça de você um ser humano melhor do que jamais sonhou em ser."

#FabiRomantiquinha

 

21 comentários:

  1. Olá Fabi!!
    Que resenha linda, amei!
    Eu não li nd da Julia ainda, tenho mta curiosidade em conhecer a escrita dela que muito ouvi flar mega bem, cada vez que leio resenhas das obras dela fico ainda mais ansiosa pra ler.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem mais que ficar ansiosa mesmo pois os livros dela são mara, Aline! Hahhaha
      Espero que possa embarcar nas aventuras dessa família louca e apaixonante em breve!

      Beijocas

      Excluir
  2. Oi, Fabi!
    Eu adorei esse livro. Na verdade, gostei de todos que fica difícil escolher o melhor.
    E eu super me identifiquei com o medo de abelhas do Anthony. Sou alérgica a picada de inseto, então se vejo uma abelha, saio correndo.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe do Sorteio de Férias: cinco livros, um ganhador!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando li o sobre o medo de abelhas dele, eu só conseguia me lembrar daquele filme, Meu primeiro amor, acredita? Acho que por isso fiquei ainda mais apaixonada pelo personagem. Sensacional!
      E eu tenho pavor de insetos, mesmo sem ser alérgica! Rs

      Beijocas

      Excluir
  3. Olá, se tem Julia Quinn no meio, já quero. Também amo quando o personagem do livro seguinte dá uma passadinha no final, é minha parte preferida da série, beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alison, te prepara pra ver muito da Julia por aqui nos próximos tempos, pois essa mulher virou um vício literário! shIUAHsuiHAIUsh
      E essa é a minha parte preferida da série também, me deixa doida pelo próximo! Rs

      Beijocas

      Excluir
  4. Julia Quinn virou queridinha mesmo, né? Eu decidi dar mais uma chance pra essa série pois não me apaixonei pelo primeiro livro como a maioria. Mas você despertou a vontade de ler de novo e quem sabe despertar essa paixão em mim também né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomara que seu coração seja arrebatado pelos Bridgertons, Lu! Mas se não for, vou amar vc do mesmo jeito, viu? Kkkkkkkkkk
      Eu sou super do contra quando o assunto é amores compartilhados, sabe. Normalmente, quando todo mundo ama, eu não amo, então, super te entendo.
      Mas tô aqui torcendo para que seu coração mude de ideia! Hhahaha

      Beijocas

      Excluir
  5. Oi Fabi!
    Esse é um dos meus preferidos da série. O Anthony é o meu personagem masculino preferido dos Bridgertons. Não sei explicar. Ele é o meu crush literário s2
    Adorei a Katy desde do inicio. Achei eles um super, mega casal. Adorei tudo nessa trama, como o Anthony reagiu a tudo, por ele ter confiança, por tudo que o personagem demonstrou. Adorei tudo mesmo. A Julia se superou nesse livro s2

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nay, eu só li os três primeiros livros - eu ainda não tinha os demais, e quando terminei o terceiro o que eu fiz? Corri e comprei TODOS OS OUTROS DE UMA VEZ, mas ainda não os li.
      Eu amei esse livro, de verdade, mas por ora, meu preferido é Eliot. Ai, suspiros e mais suspiros por ele!
      Acho que ele é o meu preferido da família até agora! Hhahaa


      Beijocas

      Excluir
  6. Olá !!
    Tenho orgulho e honra de dizer que já li essa série inteira .. uhull!!
    Os livros da Júlia são tão encantadores e viciantes !!
    Com certeza, Visconde que Me Amava foi um dos meus preferidos !!

    Adorei !
    Bjo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Mich, mulher, eu tô doida pra termina-la também!
      Quando terminei o terceiro livro eu ainda não tinha os demais... que que eu fiz? Corri pra comprar o resto! Mas ainda não os li. Mas num demoro a embarcar nessa família delícia de novo, não!
      Como eu disse ali em cima, por ora, o Eliot (Um perfeito cavalheiro, se não me engano) é o meu preferido. Tô in love! Hahahha

      Beijocas

      Excluir
  7. Oiee!
    Amo esse livro, na verdade amo os livros da Julia *-*
    Acho a narrativa dela é tão gostosa que a gente vai lendo tão rápido que nem percebe. Esse pra mim foi bem especial porque li numa sentada só rsrs, achei ele leve, bem romântico e me arrancou suspiros.
    Ri muito com a Kate e sua linha um tanto afiada :D
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Iêda, eu só li os três primeiros livros, e todos eles li numa sentada também, rs!
      Realmente, a narrativa da autora é delicinha demais da conta! Tô morrendo de amores!
      Hahaha

      Beijocas

      Excluir
  8. Oi Fabi,
    Eu sou completamente suspeita para falar da Julia Quinn ♥, a autora é totalmente responsável pela minha paixão por romance de época. Sou fã dessa autora, a escrita dela é impecável, envolvente e divertida. Sou apaixonada pela série Os Brindgerstons, amo essa família barulhenta, divertida e intrometida. Bateu uma saudade desses irmãos agora :(
    Esse livro é um dos meus preferidos da série, não há como não se apaixonar pelo Anthony, e a Kate de língua afiada me rendeu vários sorrisos bobos no rosto durante a leitura, os diálogos desses dois são hilários. A implicância desses dois é pura fofurice haha o tipo de enlace amoroso que amo, com um casal que vive, literalmente, entre tapas e beijos.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Confesso que a Quinn não foi a responsável pelo meu amor pelo romance de época, Mi, foi a Lisa Kleypas. Ela tem a narrativa tão mágica quanto a da Quinn! Amo demais!
      E essa família entrou pro meu hall de preferidas, ao lado da Hathaway, criada pela Kleypas.
      Amando cada dia mais a série, doida pra poder ler mais e mais! Hahhaha

      Beijocas

      Excluir
  9. Cada resenha que eu leio da Julia Quinn, mais eu me apaixono pelos livros dela (e olha que eu nunca nem li nenhum). Ai vou ficando aqui só na vontade, mas vou ler, tenho que ler hehehe
    Beijos Fabi!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ler mesmo, Crissie! Leitura agradável, delicinha e amorzinho! hSIUAhsuiHAs

      Beijocas

      Excluir
  10. Eu quero muito ler essa séries, eu li um romance de época na vida, e amei, então quero entrar mais ainda nesse mundo <3
    Sem amor? Que homem exigente haha
    hahaha começou a implicar pode ter certeza que tem amor ali mesmo kkkk
    Acho legal cada livro ser sobre um personage, como você falou, no primeiro não deu para conhecer ele bem, e no segundo o leitor pode ser surpreendido.
    Fabi não posso mais ler suas resenhas :/
    Você me deixa curiosa demais e com vontade de largar tudo e ir ler o livro, como faz dai?
    Amei a resenha, amei os quotes que você escolheu, amei os personagens sem nem conhecer ainda haha
    Parabéns <3
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Objetivo alcançado! Hahhahahaha
      Espero que leia todas as resenhas do blog e que leia todos os livros que eu resenhei aqui, assim vc vai ler todos! Adoooooro! shIUAhsuiHAsas

      Essa série é´mito amor! E corre pra se aventurar nos romances e época. Aposto que vai ficar tão viciada quanto eu!

      Beijocas

      Excluir
    2. Olha só ela querendo me falir kkkkkkkkkkkkkkkk
      <3

      Excluir

© PAUSA PARA PITACOS - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: RENATA MASSA | Tecnologia do Blogger.
imagem-logo